[Alerta de Spoilers para a 6ª temporada!]

Ronan era um garoto inocente e bobo, adolescente e sonhador. Um jovem que cresceu protegido dentro de uma fortaleza de gelo com toda as regalias e os mimos que a vida de um nobre do gelado norte lhe permitia. Roman cresceu querendo estar em outro lugar, acreditando que havia mais para ele do que o inverno de sua terra.

Quando sua família viajou para o sul, Roman teve a oportunidade de cortejar a futura rainha. Seria o sonho realizado: tornar-se rei de toda Westeros. Infelizmente a pretendente de Ronam era louca e sádica e matou o pai de Ronam. Além disso, a rainha acabou o submetendo à violência física, assédio sexual e por fim o prendeu à um casamento com uma mulher muito mais velha.

Quando a rainha foi morta, Ronam teve que recorrer à ajuda de uma pedófila-dona-de-bordel que anos antes jurava amor pela mãe de Ronam, mas que agora estava interessada no adolescente perdido. Com a família destroçada, acreditando que todos seus irmãos estavam mortos, tendo passado por toda a violência física e psicológica que passou, tendo que fugir no meio da noite para salvar sua vida, confiar a sua vida à uma pedófila-dona-de-bordel e, posteriormente, com a morte do tio que lhe ofereceu abrigo, Ronam finalmente estava aprendendo a jogar o jogo dos tronos – inclusive dando indícios de que começava a manipular a pedófila.

Foi então que a pedófila-dona-de-bordel vendeu Ronam para casar-se com uma Lord Louca que gostava de esfolar pessoa vivas e dá-las de almoço para seus cachorros. Essa Lord Esfoladora estuprou Ronam na noite de núpcias, torturando-o e ameaçando sua vida em vezes consegutivas depois disso. Quando finalmente conseguiu criar coragem e fugir, Ronam se reuniu com sua meia-irmã, Joan.

Joan estava reunindo um exército para lutar contra a Lord Esfolador e recuperar a fortaleza que um dia foi da família dos dois, mas ela não quis saber das opiniões do irmão, agiu como uma mimada sabe-tudo e acabou fazendo uma grande merda na guerra. Ronan, no entanto, havia entrado em contato com a pedófila-dona-de-bordel que a havia vendo para a Lord Esfoladora e, com a ajuda do exércitos do tio, conseguiu reverter a batalha e recuperar a fortaleza de sua família. Sua irmã teria morrido se Ronam não tivesse intervindo.

Um banquete foi organizado para comemorar a vitória e discutir com as outras casas do norte qual o destino da região. No banquete Joan sentou-se ao seu lado e assistiu enquanto todos saldavam e bradavam Ronam o novo Rei do Norte.

Exceto que:

– Ronam é um cara, então ele nunca teria passado por um estupro. Tudo que aconteceu com ele antes já seria o suficiente para iniciar uma mudança no arco do personagem.

– Ronam não seria vendido para casamento nenhum, já que ele mesmo escolheria sua esposa (ALO ROBB).

– Ronam não existe.

– Sansa não é a Rainha do Norte.

%d blogueiros gostam disto: