A Entertainment Weekly liberou fotos e uma entrevista com Ava Duvarney, diretora da nova adaptação de Uma Dobra no Tempo, livro da escritora Madeleine L’Engle.

Uma Dobra no Tempo, que aqui foi publicado pela Rocco Jovens Leitores, segue a história de Meg e seu irmão Charles cuja vida muda quando seu pai desaparece enquanto trabalhava para um sigiloso projeto do governo. Eles entram numa aventura por diferentes fimensões, habitadas por criaturas amigáveis e seres maléficos.

Meg Murry (Storm Reid) e Calvin O’Keefe (Levi Miller)

Uma Dobra no Tempo marca a primeira vez que uma diretora negra assume uma produção de mais de 100 milhões de dólares. Essa não é a primeira adaptação do filme, em 2003 a própria Disney produziu uma versão, mas de menor orçamento.

A diretora Ava DuVernay com Storm Reid no set de filmagem.

Sobre Meg e sobre aceitar dirigir o filme, Ava disse:

A primeira imagem (que eu tinha na minha cabeça) era de uma garota negra no lugar de Meg, uma garota viajando para diferentes planetas e encontrando criaturas e situações que eu nunca tinha visto uma garota não-branca encontrar… Todas aquelas cenas acertaram na minha fantasia, e depois foi algo que Tendo Nagenda (VP de produção da Disney) me disse, que eu nunca vou esquecer. Uma das coisas que realmente me fez querer ler foi quando ele disse ‘Ava, imagine o que você faria com esses mundos’. Mundos! ‘Planetas que ninguém nunca escutou falar’, ele disse. Não existem outras mulheres negras que tenham sido convidadas para imaginar como outros planetas e universos possam ser. Eu estava interessada nisso e numa heroína que se parecesse com as garotas com as quais eu cresci.”

Mr. Murry (Chris Pine)

Chris Pine interpreta Mr. Murry, o cientista pai de Meg. Além dele, o elenco ainda possui Ophra Winphrey, Mindy Kalling e Reese Whiterspoon.

Sobre escolher quem seriam as misteriosas Senhoras Queé, Quem e Qual, Duvarney disse:

Eu queria uma Senhora negra, uma branca e uma que não era nenhuma delas e Mindy foi a primeira que me veio a cabeça. Eu sinto que nós não falamos o suficiente sobre outras etnias e culturas, e Mindy é tão bonita para mim. Sua personagem é alguem que, em seu figurino e ao trabalhar com Mindy, nós queríamos trazer um mix de estilos, culturas e costumes. (…)

(Para Senhora Queé) eu estava procurando aquela inocência, aquela coisa que Reese interpreta tão bem, mas algo com muito poder e precisão, e diversão. A personagem tem tanto humor, você realmente precisa alguém que tenha experiência e tenha feito tudo isso, e essa é Reese.(…)

Quando você está tentando escalar a mulher mais sábia do mundo (Senhora Quem), qual é a dúvida? Você vai e liga para ela e fica feliz que você tem o número dela na discagem rápida. A personagem é muito do que ela ela (Ophra) te ensina através da sua revista e da OWN (rede de televisão da Ophra), sobre ter a sua própria luz e conquistar a escuridão, e sobre como nós temos que empoderar a nós mesmos nessa vida de uma certa maneira, e cuidar uns dos outros.

Senhora Qual (Oprah Winfrey)

Senhora Quem (Mindy Kaling) 

Senhora Queé (Reese Witherspoon)

Você pode ler toda a entrevista, em inglês, no site da Entertainment Weekly.

O filme estréia dia 18 de Março de 2018!

%d blogueiros gostam disto: