Publicada pelo Selo Piqui, Topografias é uma coletânea de seis histórias em quadrinhos, escritas, desenhadas e coloridas pelas incríveis Barbára Malagoli, Julia Balthazar, Lovelove6, Mazô, Puiupo e Taís Koshino. Embora a sinopse da coletânea fale que o fio condutor é o percurso, a passagem, das personagens por ambientes e narrativas improváveis, é possivel perceber que as histórias giram em torno das relações entre mulheres em seus universos individuais, dando enfoque a multiplicidade de gostos, personalidades e vivências.

IMG_5403

Capa por Ingrid Kita

Chuva de Verão, de Julia Balthazar, por exemplo, fala de escapismo e de realidade através dos diálogos entre duas amigas em um dia de calor. Logo em seguida, nos transporta para um ambiente tão cheio de cor e calmaria, mas que funciona muito bem como síntese daquela vontade que nós todos já sentimos de não crescer nunca.

IMG_5410

Fragmento de Chuva de Verão

Bárbara Malagoli nos guia por uma viagem espacial em Frumello, fazendo uso de páginas cheias de elementos visuais ao invés dos requadros tradicionais nos quadrinhos, para nos proporcionar uma reflexão sobre o poder e a grandeza das personagens mulheres.

IMG_5411

Fragmento de Frumello

IMG_5413

Teneúsca, de Taís Koshino, apresenta um futuro distópico no qual a humanidade evoluiu a ponto de se comunicar por telepatia e a individualidade é reprimida para garantir o bem estar social. Gosto dos vários quadros pequenos que a autora usa para passar a sensação de velocidade,  aprisionamento e desconforto que a personagem principal experiencia ao longo da narrativa. No entanto, o que mais me chamou atenção é o questionamento sobre o espaço que a mulher ocupa num determinado ambiente e o entendimento do que é ser mulher nesse espaço.

Fragmento de Teneúsca

Flagelo, por sua vez, tem uma atmosfera surreal, b-side e estranhamente divertida. Puiupo põe sua personagem Prúlia em uma situação absurda na qual tem que escolher entre ser engolida pela cabeça embrião parasita (?) que ela acabou de dar a luz, ou abandonar esse ser e continuar viva. Em meio a esse caos, a amiga de Prúlia se mantem firme para apoiar qualquer decisão.

IMG_5418

Fragmento de Flagelo

Sátira Latina, da Mazô, é composta por recortes de várias matérias de jornais que unidas se complementam numa narrativa capaz de render várias interpretações. A correlação entre crença na astrologia e realidade saltam aos olhos e torna a esperiência da leitura algo bem interessante, ao mesmo tempo em que a desconecção de algumas informações me fizeram pensar sobre como nós damos relevancia a determinados momentos da nossa história, em detrimento de outros.

IMG_5421

Fragmento de Sátira Latina

Lovelove6 encerra a coletânea com uma história sobre amor e ciúmes protagonizada por duas mulheres. Árvores se constitui como uma narrativa que beira ao poético pelo tom intimista e pela composição de quadros que remetem ao sonho, mas é uma história erótica na qual a relação das protagonistas é envolta por sexo, aspirações e momentos naturais a qualquer casal, fugindo totalmente dos padrões sexualizados comuns aos quadrinhos eróticos.

IMG_5423

Fragmento de Árvore.

Topografias tem leitura rápida, agradável e multiplas representações do ser mulher.  Pra deixar vocês com mais vontade de comprar o quadrinho, confiram o video de divulgação 😀

%d blogueiros gostam disto: