A segunda temporada de Agent Carter introduzirá a energia conhecida como Darkforce para o Universo Cinematográfico da Marvel, criando conexões com Doctor Strange, entre outros.

Em uma entrevista recente à Comic Book Resources (em inglês), a showrunner de Agent Carter, Michele Fazekas, contou que será apresentada a origem da Darkforce por meio de uma empresa nuclear chamada Isodyne Energy e como essa energia poderá impactar o futuro das histórias da Marvel.

“Nós criamos a Isodyne Energy, baseada nas empresas reais  Radiodyne, General Atomic ou nos primórdios da Jet Propulsion Lab. Todas essas empresas existiam em Los Angeles nos anos 40 e participavam da corrida espacial e desenvolviam armas nucleares.”

“O que os espectadores vão descobrir é que a Isodyne fazia testes nucleares no deserto para desenvolver a bomba atômica e no meio desses testes algo inesperado ocorreu. Todos saberão mais quando a 2a temporada for ao ar, mas a Isodyne se deparou com a que é chamada pelos membros do Universo Marvel de Darkforce.”

“Isso se liga com o universo de Doctor Strange e com Agents of SHIELD, como alguns espectadores já devem ter visto na série.”

doctor-strange

Em Agents of SHIELD, a Darkforce não possui esse nome, mas foi a energia utilizada pelo vilão da 1a temporada, Marcus Daniels.

“O interessante que descobrimos sobre a Darkforce” continua Fazekas, “é que a Darkforce afeta as pessoas de formas diferentes. Criou vários vilões e vários heróis, e possui diferentes propriedades. Pode ser líquido, gás, pode te dar poderes ou te matar. Possui várias aplicações, o que é ótimo para nós. Pudermos selecionar o que nos agradou para criarmos nossas próprias regras, em como funciona e como afetará nosso universo.”

 

Os fãs precisarão esperar até novembro para ver a Darkforce em Doctor Strange, mas falta pouco para a próxima temporada de Agent Carter, dia 19 de janeiro!

%d blogueiros gostam disto: